Saiba por que Tóquio venceu

   

A festa é grande e trás esperanças. Tóquio venceu a disputa pelas Olimpíadas de 2020 superando Madrid e Istambul. Os comissários do COI foram convencidos de que a capital japonesa era a melhor opção pelos discursos dos membros do comitê organizador japonês e pelas imagens dos vídeos promocionais.

Segundo a imprensa japonesa, alguns pontos foram destaques nas apresentações, entre elas o emocionante relato da atleta paraolímpica Mamy Sato, que nasceu e vive em Iwate, região devastada pelo tusnami. Ela disse que só conseguiu estar presente para fazer o discurso porque foi "fisgado" pelo esporte mesmo depois de ter que amputar uma das pernas por causa de um câncer. O primeiro ministro Shinzo Abe foi categórico ao afirmar que o governo daria todas as garantias para que Tóquio possa realizar os jogos. Comprometeu-se perante o mundo a cumprir as metas estabelecidas pelo comitê organizador e respondeu sobre a irradiação da usina de Fukushima de maneira firme que não deixaram dúvidas sobre suas intenções. Christel Takigawa fez seu discurso em francês e disse que o Japão é um país seguro e que caso você esqueça sua carteira em algum lugar, seguramente ela lhe será devolvida pela polícia. Naoki Inose, "chair man" do comitê, fez um discurso otimista mostrando que os jogos transformarão a sociedade permitindo sonhos maiores para os jovens de hoje, além de uma integração global nunca vista até hoje. O que ninguém esperava foi o comparecimento da princesa imperial Hisako Takamado, discursando num francês perfeito e agradecendo o mundo pela ajuda durante o terremoto seguido de maremoto na região sudeste do país.

Eu, particularmente, acho que Tóquio venceu porque além de fazer uma apresentação extremamente profissional e emotiva, mostrou também que possui condições financeiras e estruturais para a organização. Resumindo: os membros do COI, por estarem esquentando a cabeça com os atrasos nas obras e com o descuido na organização para 2016 no Rio de Janeiro, optaram pela segurança. Madrid e Istambul passam por problemas sociais e econômicos graves e não foram convincentes nas apresentações das garantias necessárias. Assim, os membros do COI deram mais ouvidos para a responsabilidade característica do povo japonês.

O meu egoísmo pode estar transbordando, mas agora tenho a chance de assistir dois Jogos Olímpicos consecutivos, além de ver aumentar o interesse no esporte, que é a minha área de atuação. Que eu ainda possa ir para o céu depois dessa.

Como o momento é especial, postei três vídeos. Comentem.

Último vídeo promocional

Christel Takigawa

Hisako Takamado