LEC fecha primeira janela de contratações com dez reforços

   

No último dia para a inscrição de jogadores no Campeonato Paranaense, o Londrina oficializou mais duas contratações. O volante Rafael Assis, que já treinava no clube desde a semana passada, finalmente teve a sua documentação regularizada e foi confirmado como jogador alviceleste. Ele vem por empréstimo do Braga de Portugal.

O LEC registrou também na CBF o atacante Mosquito, 20 anos, que estava no Sinop-MT. O próprio clube admite que o atleta não chega com status de reforço, mas sim como uma aposta futura, em razão da idade.

Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube
Atacante Ruster Santos pode estrear sábado diante do Rio Branco

Desta forma, o Tubarão fecha esta primeira janela de contratações com dez reforços na temporada. Confira todas as caras novas do Tubarão em 2020.

Os volantes Júlio Rusch, Anderson Carvalho e Rafael Assis. O meia Lincon Júnior e os atacantes Gabriel Barbosa, Igor Paixão, Thiago Henrique, Marcelinho, Mosquito e Ruster Santos.

Apesar de não ser um número extremamente grande de reforços, o que chama a atenção é que a maioria jogou pouco até aqui. Thiago Henrique desde que chegou está no departamento médico e não atuou um minuto sequer.

Lincon Júnior e Gabriel Barbosa, ambos emprestados pelo Palmeiras, tiveram poucos minutos em campo e ainda não mostraram condições de serem titulares.

Júlio Rusch começou como titular, mas já perdeu espaço. Em nenhum momento foi brilhante. Anderson Carvalho tem jogado muito mais por falta de opção para o setor. Com a chegada de Rafael Assim, deve sair do time.

Igor Paixão só agora vai ganhando oportunidade para jogar. É jovem e tem potencial de crescimento. O único realmente que é titular sem contestação é Marcelinho, hoje sem concorrente na sua função.

A esperança da torcida Alviceleste é que os últimos contratados possam ser considerados reforços na essência da palavra e que melhorem a qualidade do elenco.