A GENTE SE VÊ ONTEM

   

Produção de Spike Lee para a Netflix, A Gente Se Vê Ontem é o longa de estreia do americano Stefon Bristol. Trata-se, na verdade, de uma versão ampliada do curta de mesmo nome que ele havia dirigido em 2017. O roteiro, escrito por Fredrica Bailey e o pelo próprio Bristol, conta a história de C.J. (Eden Duncan-Smith) e Sebastian (Dante Crichlow). Os dois são grandes amigos e criam uma máquina, ou melhor dizendo, uma mochila do tempo. E ambos voltam ao passado para evitar que uma tragédia aconteça. Eu, particularmente, acho o tema "viagem no tempo” fascinante e a abordagem aqui consegue inserir elementos novos. E o título, visivelmente, segue a mesma lógica do clássico De Volta Para o Futuro. A jovem Eden Duncan-Smith tem carisma e escapa da caricatura nerd nesta leve, tensa e divertida aventura temporal. Grande Scott! Antes que eu me esqueça, é simplesmente impagável uma participação especial e carinhosa, bem no início do filme, de um ator-símbolo de viagens no tempo.

A GENTE SE VÊ ONTEM (See You Yesterday - EUA 2019). Direção: Stefon Bristol. Elenco: Eden Duncan-Smith, Dante Crichlow, Brian Bradley, Marsha Stephanie Blake, Johnathan Nieves, Myra Lucretia Taylor, Wavyy Jonez, Rayshawn Richardson, Khail Bryant e Carlos Arce. Duração: 84 minutos. Distribuição: Netflix.