Tudo bem? Não, tô exausta!

   

Hoje escutei a mesma resposta de três mães diferentes. Na hora, concordei e começamos a discutir o assunto. Jamais perderia a oportunidade! Desabafei mesmo. Kkkkk. Sim, também estou exausta.

Só quem é mãe e ainda é dona de casa, esposa, empresária, professora, arquiteta, médica, jornalista ... irá entender.

E de repente ouvimos: Nossa, que horror!!! Cansada de ser mãe?!?

Sabe aquela expressão: pegou o trem e sentou na janelinha? Então. Foi exatamente o que aconteceu.

Pensa na cara de paisagem e na virada de olho que dei quando ouvi isso. 🙄🙄🙄🙄🙄

Além de acumular todas as funções, tipo "mãe polvo", somos julgadas o tempo todo?

Tá puxado, hein.

Se educa de um jeito, tá errado. Se fala com a criança de outro jeito, tá errada também. Se comenta um fato, tem sempre alguém retrucando ou olhando com ar de reprovação. Ah, esqueci da história da barriga chapada e bumbum na nuca. Tem mais essa ainda! Ai que nervoso! Não dou conta. Claro que existem excessões, mas geralmente é assim. Taí mais um motivo para exaustão. #ficaadica 😬

E sim, muitas vezes estamos exaustas. É muita coisa pra fazer. É muita coisa pra resolver. É muita preocupação pra uma cabeça só. É muita coisa... aff, só de escrever cansa. 😂

E não, a gente não cansa de ser mãe. O amor não tem nada a ver com isso. Lembra do furacão chamado maternidade? Certeza absoluta que exaustão vem no pacote. Kkkk

Quem nunca chegou à exaustão, que levante a mão. 😢

Beijos