Rodoviária de Londrina deve receber 70 mil passageiros até o Natal

por Redação Bonde com N.Com e Assessoria de Imprensa
   

Pelo menos 70 mil passageiros devem passar pelo Terminal Rodoviário de Londrina (TRL) entre esta sexta-feira (20) e o Natal, na próxima quarta (25). O número, que inclui as operações de embarque, desembarque, trânsito e turismo, é bem superior aos cerca de 40 mil viajantes registrados, em média, em períodos de seis dias em outras épocas do ano. Se somada também a estimativa de acompanhantes, a expectativa é de que mais de 100 mil pessoas circulem pelo local nesse intervalo. O balanço é da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), que gerencia a rodoviária.

Ricardo Chicarelli/Arquivo/Folha

Segundo o levantamento, obtido em consulta às empresas de transporte, aproximadamente 720 carros extras foram disponibilizados para suprir o incremento na demanda. Na soma geral, que considera a movimentação média de 320 coletivos/dia em datas normais, devem passar pelo TRL em torno de 2.640 ônibus. Com mais de 300 horários especiais acrescentados às tabelas de partidas, os destinos mais procurados são a capital paulista, Rio de Janeiro, Curitiba, Campo Grande, Belo Horizonte, Campinas, Ribeirão Preto, Maringá e Cascavel. Municípios do litoral paranaense e de Santa Catarina também figuram entre os mais buscados.

Com o aumento no volume de pessoas, a superintendência do espaço orienta que os viajantes busquem chegar à rodoviária cerca de 90 minutos antes da hora de embarcar. Isso porque, apesar do apoio dos agentes da CMTU na organização do trânsito, a região do TRL está em obras para a construção do viaduto sobre a Leste-Oeste e congestionamentos podem ser registrados. Outra recomendação é portar documentos pessoais com foto, manter sempre por perto bolsas e pertences, assim como identificar bagagens e malas. Importante lembrar que, para viajar sozinhos, menores de 16 anos precisam apresentar autorização de viagem com reconhecimento de firma em cartório.

Férias

As férias escolares e as festas de Natal e Ano Novo devem aumentar também em 50% o volume de passageiros transportados pelo Grupo Garcia-Brasil Sul (GBS). De acordo com Estefano Boiko Junior, vice-presidente do grupo, o período de maior demanda ocorre entre 19 de dezembro e 10 de janeiro, quando há um aumento geral de passageiros nas rodoviárias de todo o País. Boiko Junior informa que há dois grandes fluxos de viagens nesta época do ano. Próximo ao Natal, o maior movimento é de passageiros que deixam os grandes centros - como São Paulo e Curitiba - com destino ao interior e depois retornam para as cidades de origem. Grande parte deles viaja para passar o feriado com a família. Logo após o Natal e no início de janeiro, o principal destino são as praias de Santa Catarina. Balneário Camboriú, Itapema e Florianópolis são as cidades preferidas pelos veranistas que viajam de ônibus com as empresas do Grupo Garcia-Brasil Sul.