Estado determina fechamento de shoppings e academias

por AEN-PR
   

O Governo do Estado emitiu novo decreto (4.302/20) no início da noite de quinta-feira (19) para liberar o funcionamento de consultórios médicos, unidades hospitalares, laboratoriais e farmacêuticas instalados em shoppings centers.

Pixabay

Supermercados, bancos, postos de combustíveis e revendedores de gás também estão autorizados a manter as atividades em centros comerciais e galerias, assim como estabelecimentos que fornecem alimentação exclusivamente para entrega em domicílio.

O novo decreto é complementar ao que determina o fechamento, por prazo indeterminado, de shopping centers e estabelecimentos congêneres, além de academias e centros de ginástica, como forma de evitar a propagação do novo coronavírus no Paraná. O governo também recomenda o fechamento de restaurantes, bares e centros/polos gastronômicos até a meia-noite.

Segundo o chefe da Casa Civil, Guto Silva, o Estado monitora todos os dias o avanço dos casos de coronavírus e adota as recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS). Ele disse que o governo adotará medidas sempre que necessárias para proteger a população paranaense e evitar a propagação do novo coronavírus.

"Essa medida é parte de um planejamento. Todos os dias anunciaremos medidas de prevenção e restritivas, para fazer, de forma inteligente, e junto com a sociedade, o combate ao coronavírus. Cada Estado tem um comportamento, uma realidade. E nós usamos todas as análises dos técnicos da Secretaria de Saúde”, afirmou Guto Silva. "Nós queremos evitar as aglomerações para conter a circulação”.

MEDIDAS

A suspensão das atividades desses estabelecimentos se soma a outras medidas restritivas como a suspensão das aulas nas escolas e universidades públicas, e escolas privadas; inclusão de R$ 100 milhões no Orçamento da Saúde; o decreto de situação de emergência, que permite dispensa de licitações; a restrição na entrada de ônibus dos outros estados e do Distrito Federal; o uso das aeronaves oficiais para transporte de testes e emergências médicas; e medidas administrativas (fechamento de órgãos e parques públicos, interrupção de visitas, viagens e instituição de teletrabalho).

CORONAVÍRUS

A Secretaria da Saúde confirmou mais nove casos de coronavírus em Curitiba nesta quinta-feira (19). São cinco mulheres e quatro homens com idades entre 22 e 81 anos, que estiveram em São Paulo, Itália e Espanha. O balanço indica 23 casos confirmados, 146 em investigação e 122 descartados no Paraná, totalizando 291 notificações.

Conteúdo relacionado: