Bebê de 9 meses tem fêmur fraturado após agressão dos pais em Marialva

por Heloisa Corso - Estagiária*
   

Casal é detido após avó materna acionar o Samu para seu neto de nove meses. A criança estava com uma fratura no fêmur.

A Polícia Militar apreendeu um casal suspeito de agredir o próprio filho de nove meses, em Marialva, na região metropolitana de Maringá, nesta sexta-feira (22). A denúncia foi feita pela avó, que durante uma visita surpresa a família constatou que a criança estava com o nariz queimado e a perna fraturada. A mulher contou a PM que não via seu neto há dias e estranhou o comportamento da filha.

O delegado do caso, Rodolfo Vieira, explicou que o homem de 18 anos, a mulher de 22 anos e a avó serão ouvidos nesta tarde. A avó será liberada, mas o casal permanecerá detido e responderá pelo crime de tortura.

A criança está recebendo atendimento médico em Maringá para tratar os ferimentos.

*Sob supervisão de Fernanda Circhia.

Conteúdo relacionado: