Ex-PM acusado de cometer 14 homicídios é assassinado na zona rural

por Redação Bonde
   

O ex-policial militar Marcelo Ledo foi assassinado na tarde desta terça-feira (5) na estrada que liga Tamarana ao distrito de Lerroville, na zona rural de Londrina. Ele é acusado de cometer 14 homicídios e seria levado a júri popular.

Divulgação

Segundo as informações da própria PM, ele transitava na estrada com sua mulher em uma motocicleta quando um veículo de cor escura se aproximou e os passageiros dispararam contra ele. Sua mulher foi socorrida com vida.

O comandante do 5º Batalhão da PM em Londrina, Major Nelson Villa, afirma que não há ainda como estabelecer uma conexão de causalidade entre o crime e as mortes atribuídas ao ex-policial, numa possível vingança. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Ainda de acordo com Villa, enquanto servia a corporação, Ledo foi acusado de cometer várias irregularidades, inclusive homicídio. Ele respondeu a processo disciplinar e, considerado responsável, acabou expulso em 2018.

Conforme o blog Além do Fato do Portal Bonde, o ex-PM está afastado das ruas desde 2012, pois teria sido alvo de um atentado praticado por criminosos enquanto saía de Tamarana e seguia para Londrina. Ele é acusado de cometer o mesmo crime contra 14 oessias.

Conteúdo relacionado: