Homem mata companheira a pauladas neste domingo

por Isabella Alonso Panho* - estagiária
   
Marcos Zanutto/Arquivo Folha

Um homem de 20 anos foi detido neste domingo (15) em Sarandi (região metropolitana de Maringá) depois de assassinar sua esposa a pauladas na rua Carvalho, no jardim Monterey. A prisão se deu por volta das 16h45.

Horas antes, ele havia agredido a mulher, de 31 anos, com pauladas na cabeça. Ela chegou a ser socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

No depoimento prestado ao delegado de plantão, o autor disse que discutiu com a esposa em virtude de uma suposta traição descoberta naquele dia, através de uma mensagem que teria chego no celular dela. Ele disse ao delegado que ela caiu e bateu a cabeça, negando ter dado as pauladas.

Cheio de sangue, o pedaço de madeira utilizado no crime foi encontrado dentro do carro do autor.

O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico-legal) de Maringá. Apenas as iniciais da mulher - T. D. S. B. - foram publicadas pelo relatório dos Bombeiros.

*Sob supervisão de Larissa Ayumi Sato.

Conteúdo relacionado: