Boca Aberta propõe projeto para amputar mãos de políticos corruptos

por Guilherme Marconi - Grupo Folha
   

O deputado federal Boca Aberta (Pros) apresentou na Câmara Federal um projeto de lei "anticorrupção". Entretanto, os métodos previstos são polêmicos. A proposta do parlamentar londrinense prevê a amputação das mãos do político condenado por crime de corrupção contra patrimônio público, após condenação em trânsito em julgado.

Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O parlamentar diz ainda que a Coreia do Norte executou pelo menos 37 políticos acusados de corrupção desde 2011. A proposta prevê ainda que a "amputação das mãos do político corrupto será realizada no Sistema Único de Saúde (SUS)". O parlamentar encerra o texto afirmando que "a população está cansada de sofrer nas mãos de políticos inescrupulosos e frios, pessoas más, desumanas".

Consultado pela FOLHA sobre a Constitucionalidade do projeto, Boca Aberta diz que "não há ilegalidade" " O plenário é soberano e o projeto não é inconstitucional", afirma. Com a matéria, o agora deputado adota o mesmo expediente que usou quando era vereador. Em 2017, vários projetos apresentados por ele não passaram da Comissão de Justiça por serem considerados ilegais ou inconstitucionais. Até agora não há no Congresso proposta de autoria dele que foi encaminhada para relatoria.

Conteúdo relacionado: