Iluminação com LED em motos melhora segurança e dura mais

por Folhapress
   

O uso de lâmpadas de LED em motos se popularizou e atualmente muitos dos novos modelos de motos, tanto as mais luxuosas, quanto as mais acessíveis, saem da fábrica já com esse tipo de iluminação. Muito além de uma questão estética relacionada à coloração mais branca da luz - preferida de muitos que querem uma imagem mais limpa no design do automóvel -, as lâmpadas de LED proporcionam mais segurança em comparação com as halógenas.

Divulgação

Isso porque as novas iluminações proporcionam até 130% mais visibilidade das vias durante a noite por sua maior potência e cor de 6.000 K, que é quase branca e permite a identificação de mais detalhes. Além disso, elas consomem 85% menos energia e não aquecem.

Outra vantagem que coloca o LED como preferido é a durabilidade. As conexões que levam à geração de energia luminosa são feitas através de chips compostos por material semicondutor rígido, que sofre menos com rupturas causadas pela agitação da moto do que os filamentos das lâmpadas halógenas. Pela possibilidade de ser utilizados por mais tempo, pois evitam o desgaste excessivo na natureza e não contêm gases tóxicos, os Light Emitting Diode (LED) - diodo emissor de luz, em português - também são consequentemente mais ecológicos.

Atualmente, uma luz mais eficiente é tida como uma forma de proteção tão importante quanto o uso de capacetes ls2, por exemplo, na tentativa de evitar acidentes fatais envolvendo motocicletas. Pensando nisso, adaptações na atualização do farol de motos antigas já podem ser feitas sem muita dificuldade e são permitidas por lei, diferentemente das lâmpadas de xênon - gás xenônio -, que foram proibidas pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito) em todo o país, já que, nesse caso, a luz emitida era forte demais e poderia ofuscar a visão de outros motoristas.

Quando a mudança para o diodo emissor de luz for feita, o proprietário da moto precisa apenas ir ao Ciretran ou Detran da região para adequar o documento do veículo. Para que as adaptações feitas passem pela inspeção das autoridades, é necessário que a lâmpada seja instalada respeitando a linha de corte, para que a visão de quem vem no sentido contrário não sofra interferência.

Outros pontos importantes a serem levados em consideração para escolher um LED de qualidade é se o item é resistente à água e poeira, isto é, se possui a certificação IP65, além de ter a capacidade de resistir também a trepidações.

Conteúdo relacionado: