Marcas estendem garantia e prazo de revisão de veículos

por Folhapress
   

A pandemia do novo coronavírus mudou a rotina das redes concessionárias. As lojas fechadas paralisam as vendas e os serviços de manutenção. Para que os clientes não sejam prejudicados, as montadoras estão alterando temporariamente seus planos de garantia.

Pixabay

A Hyundai anunciou que a revisão de modelos HB20 e Creta com vencimento a partir do dia 10 de março poderão ser realizadas até 30 de abril sem prejuízo à cobertura de fábrica. O prazo pode ser prorrogado a depender de mudanças nas recomendações das autoridades sanitárias.

A tolerância por quilometragem também será ampliada de mil para 2.000 quilômetros. Se essa margem for ultrapassada, o caso deverá ser avaliado.

Os carros das marcas BMW e Mini cuja revisão venceria entre os dias 23 de março e 24 de abril terão um mês de carência além do prazo, ou 1.200 quilômetros.

A Kia, a Nissan e o grupo PSA Peugeot Citroën são mais generosos: a tolerância por tempo chega a três meses após o vencimento da revisão, ou 3.000 km.

As marcas do grupo FCA Fiat Chrysler dão dois meses a mais para os clientes realizarem a revisão. É o mesmo prazo da Chevrolet para os veículos. O prazo de tolerância será ampliado para 14 meses. A marca também ampliou os prazos de revisões e garantia para as unidades em que o limite da manutenção terminaria entre os dias 1º de março e 30 de junho de 2020.

Conteúdo relacionado: