Novo Elantra terá motor elétrico e visual mais esportivo

por Folhapress
   

A Hyundai apresentou nesta semana a sétima geração do Elantra, apenas cinco anos depois da sexta. Cada ciclo de um carro dura, em média, de sete a oito anos, dependendo da receptividade.

Divulgação / Hyundai

Para essa versão, a marca preferiu alongar o carro e dar um ar de cupê, moda que começou com o rival Honda Civic e parece que não vai acabar tão cedo.

As vendas começam nos Estados Unidos no final do ano com motor 2.0 a gasolina de 149 cv e uma inédica configuração híbrida com um 1.6 a

gasolina aliado a um elétrico. Os dois combinam 141 cv de potência.

Divulgação / Hyundai

O Elantra, que já foi vendido no Brasil, não tem a sétima geração confirmada ainda. No ano passado, a marca chegou a mostrar a versão anterior no Salão do Automóvel de São Paulo prometendo que o venderia, mas o carro não chegou às lojas.

O segmento já não é mais atrativo como foi. O líder de vendas é o Toyota Corolla, mas os rivais ficam muito distantes, como o Civic e o Volkswagen Jetta, já que a faixa de preço foi dominada por utilitários esportivos, mais atrativos para o mercado brasileiro neste momento.

Conteúdo relacionado: