Aprenda como montar um jardim de inverno

por Com informações do site Vivadecora
   

Todo mundo sabe que ter plantas e flores dentro de casa é relaxante, aconchegante e não dá tanto trabalho. Com isso, opções não faltam e vão desde um jardim vertical a um jardim de inverno.

Ter um jardim de inverno em casa pode dar um "up" em sua decoração. Ele pode ser feito aproveitando vãos abaixo das escadas ou de outra forma, para manter o ambiente aconchegante e mais próximo da natureza. Jardim interno pode estar em qualquer ambiente da sua residência, entretanto o mais comum é deixá-lo próximo à sala.

Pensando nisso, o site Vivadecora ensina como montar um jardim de inverno.

1- A primeira dica é investir em um jardim de inverno sem teto ou com um teto de vidro, para que suas plantas recebam iluminação artificial e você consiga mantê-la mais saudável naturalmente. Uma opção interessante é o uso de claraboias, que além de ajudar, deixa seu jardim bem elegante.

Reprodução//PINTEREST

2- Se você deseja separar o jardim de inverno do restante do ambiente, use portas e divisórias de vidro. Além de dar um destaque maior ao jardim, sua sala ficará mais iluminada.

Reprodução//PINTEREST

3- Uma peça curinga que pode utilizar são as arandelas, elas são ótimas para iluminar as paredes. O resultado é um jardim de inverno elegante e com um visual moderno.

4- Se optar colocar móveis no seu jardim, escolha lugares que dê para incrementar com mesinhas, almofadas, cadeiras, poltrona e o que você preferir. Uma dica importante é: tente equilibrar o estilo do ambiente e adquira móveis que podem receber a luz solar constante.

Reprodução//PINTEREST

5- Na hora de escolher as plantas, dê preferência àquelas que melhor se adaptam aos ambientes internos, como a babosa de pau, palmeira areca, lírios da paz, pau d`água, palmeira chamaedórea, singônio, jiboia, filo dentro cascata, begônia, zamioculca, pleomele, mini cactos, suculentas, entre outras espécies.

Não se esqueça que para cada tipo de planta, é necessário uma manutenção diferenciada, como atentar-se à quantidade de água ao regar, adubar de acordo com as necessidades de cada planta, retirar folhas mortas e aplicar fungicidas regularmente.

Reprodução//PINTEREST
Conteúdo relacionado: