Como a internet interfere em um projeto de interiores?

por Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
   

As novas tecnologias provocam mudanças no nosso estilo de vida, passamos cada vez mais tempo em frente à telas de celular e até as televisões já estão conectadas e prontas para exibir produtos vindos de streamings. Com isso a necessidade de uma conexão potente só aumenta e um bom projeto de interiores pode otimizar esse sinal.

Divulgação

Segundo a designer de interiores Marli Assis, essa preocupação surge logo nas primeiras etapas do projeto. "Escolher os aparelhos e o tipo de conexão interfere diretamente no orçamento. Logo nas reuniões iniciais nós alinhamos isso para desenvolvermos as primeiras versões do layout", explica a profissional.

A escolha dos equipamentos depende do interesse principal do contratante. "Alguns vão preferir investir em eficiência para ter o máximo possível de velocidade em todos os pontos, mas alguns reduzem essa preocupação para focar em conforto ou praticidade, entender esses perfis é fundamental para garantir resultados satisfatórios", conta Marli.

É no planejamento do layout que a distribuição entra em discussão. "Toda a ligação precisa ser prevista, isso reduz o risco do sinal ser prejudicado ou que a instalação interfira no visual e em outras funcionalidades daquele espaço", ressalta a designer.

A conexão pode ser feita de diversas formas e novidades da área de tecnologia adicionam ainda mais possibilidades. "Em geral optamos por levar o cabeamento a todos os ambientes, assim garantimos uma perda mínima de dados e maior estabilidade. Quando isso não é possível podemos usar repetidores sem fio para distribuir melhor o sinal pela casa", encerra Marli.

Conteúdo relacionado: