Metais para o banheiro: dicas essenciais para facilitar as escolhas

por Redação Bonde com assessoria de imprensa
   
Divulgação
Escolher os metais para o banheiro merece uma atenção redobrada

Cada vez mais percebemos que o banheiro é um local de relaxamento. Por isso, ao pensar no projeto desse ambiente, todos os detalhes importam. Saber escolher os elementos demanda uma atenção redobrada, sendo imprescindível determinar o tipo de instalação que será necessária.

Assim, os metais, incluindo a torneira, o chuveiro e os acessórios (saboneteira, papeleira, cabideiro e toalheiro) devem aliar estética e funcionalidade. A Incepa, marca especialista em louças e metais sanitários, traz para o mercado uma variedade de produtos com design diferenciado e tecnologia que garantem durabilidade e resistência.

Para ajudar nessa tarefa, a Incepa preparou um guia completo com dicas essenciais. Confira a seguir:

Torneiras

É preciso pensar no tipo de metal que será usado ainda durante o projeto da obra, já que a decisão influencia em todo o sistema de encanamento e instalação. Além da opção pelo modelo de parede ou bancada, é essencial saber também se receberá ou não o fluxo de água quente.

Divulgação
O monocomando deve ser especificado durante a obra do banheiro pois requer água quente e fria

Em relação aos tipos, eles podem ser divididos em três: monocomando, misturador bicomando e torneira. Para configuração da água como quente e fria, o monocomando é o ideal, já que é possível "temperar” a água apenas acionando uma única alavanca. O misturador, por sua vez, permite a saída, de forma individual, de água fria e quente, podendo ser mescladas. Já o terceiro tipo, a torneira, possui apenas a opção de água fria.

As opções de monocomando em que o design, aliado à tecnologia, consegue alcançar soluções únicas podem transformam a rotina dos moradores ao levar funcionalidade, conforto e praticidade.

Chuveiro

Depois do metal da bancada, o chuveiro é outro produto que merece muita atenção. O primeiro passo antes de comprá-lo é saber a distância da caixa d’água para garantir que o chuveiro tenha uma boa vazão de água. Depois é necessário determinar a altura da instalação. O padrão recomendado é de 2,10 m para um pé direito de até 2,40 m. Outra decisão importante é identificar se o morador precisará de uma ducha manual.

Divulgação
Escolher o chuveiro perfeito deve seguir algumas recomendações

Acessórios

Por fim, mas não menos importante, os acessórios do banheiro. Apesar de opcionais na maioria dos casos, eles não devem ser esquecidos no projeto. Neste quesito, é possível incluir saboneteira, papeleira, toalheiro e cabideiro. Seguindo o mesmo raciocínio da torneira e do chuveiro, a qualidade e a durabilidade devem ser priorizadas.

Portanto, cada item precisa ser bem posicionado para assegurar maior comodidade e funcionalidade aos usuários. O toalheiro barra, que receberá a toalha de banho, deve ficar próximo da área do box. A altura varia entre 1,50 m e 1,80 m do piso. O cabideiro, usado para pendurar as roupas, pode seguir as mesmas medidas.

Divulgação
Os acessórios devem estar bem posicionados buscando a funcionalidade

O toalheiro anel, responsável por apoiar a toalha de rosto, deve ficar, pelo menos, 30 cm acima da bancada para que o tecido não encoste na superfície. O recomendado para a saboneteira, se for instalada na bancada, é estar a 10 cm acima da cuba.

Conteúdo relacionado: