Esfoliação é parte importante na rotina de skincare

por Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
   

Remover a camada de células mortas faz parte da rotina de cuidados com a pele. Conhecida como esfoliação, a técnica serve para uma limpeza profunda, que pode ser feita por meio de cremes, sabonetes, óleos ou procedimentos químicos em consultório dermatológico, com ácidos e componentes específicos.

Reprodução/Pixabay

Os produtos usados para a esfoliação contêm grânulos na formulação para remover as impurezas pela descamação e fricção com a pele. "Esse passo do skincare deve ser feito com cuidado e paciência. Caso contrário, pode causar irritação e deixar a pele com manchas avermelhadas", alerta a dermatologista Clarice Birraque.

A esfoliação também funciona como uma preparação para os próximos passos de cuidados dermocosméticos. O recomendado é esfoliar a pele uma ou duas vezes por semana após lavar o rosto com água gelada.

"Deve-se colocar pouca pressão e fazer movimentos circulares suaves para não machucar a pele", aconselha Birraque. A médica também indica hidratar e passar o fotoprotetor depois de remover o produto de limpeza facial com água.

A escolha de um produto adequado também é fundamental para um resultado positivo e sem danos à pele. "O segredo da esfoliação está na periodicidade e nos cuidados envolvidos", afirma a médica.

Não exagerar no atrito e manter uma rotina semanal - e não diária - de esfoliação são regras de ouro para limpar a pele das células mortas e iniciar o passo a passo do skincare.