Fotógrafo internacional comenta tendência de fotos para 2021 e alerta sobre erros de edição

por Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
   
iStock

A cada ano, novas tendências de fotografia e edição tomam as redes sociais: em 2021 não seria diferente. Desta forma, pensando na tendência de mais naturalidade e auto aceitação com o corpo, a fotografia também pede mais naturalidade e valoriza a beleza individual de cada um.

Presets artificiais e corpo perfeito estão, cada vez mais, caindo por terra. Glauber Bassi, fotógrafo internacional, comentou sobre essa tendência, que tende a ganhar ainda mais força nesse próximo ano.

"Todos nós queremos ver pessoas reais, situações reais. Para 2021, não estamos interessados na vida perfeita, queremos ver gente como a gente. Na fotografia, é a mesma coisa. Muita gente vai afinar cintura, braço ou perna e não percebe o fundo atrás, deixando a foto fake. O meu conselho é: Não exagere no Photoshop! Utilize pouco e se aceite! Todos nós temos gordurinhas localizadas, isso é normal.”

Assim como o corpo, a pele também pede mais naturalidade - ter poros e imperfeições é perfeitamente normal e aceitável. "Para mim, o pior erro de edição é aquele rosto super esfumado, sem expressão. Isso já saiu de moda faz tempo”, ressalta Glauber.

Para quem ainda gosta de um feed mais harmônico, Glauber afirma que os presets exagerados também estão saindo de moda. "Deixa as fotos muito pesadas, com cores fora da realidade. A tendência para 2021 é aquela foto clean, com luz natural e sem edição sobrecarregada. É muito bacana e também traz harmonia para seu feed do Instagram”, finaliza.

Conteúdo relacionado: