Prevenção à violência contra a mulher é foco de campanha durante o Carnaval em Londrina

por N.com
   

Londrina tem a segunda edição da campanha "Chega de se esconder por trás de uma máscara”, promovida pela secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres. Além de orientar a população sobre como denunciar crimes de importunação sexual ou outro tipo de violência contra a mulher, durante as comemorações pelo ccarnaval, a campanha também busca conscientizar sobre as diversas formas de violência que podem ocorrer com as mulheres.

Emerson Dias/N.Com

Segundo a secretária municipal de Política para as Mulheres, Nádia Oliveira de Moura, equipes das forças de segurança foram orientadas sobre os procedimentos a serem adotados caso seja identificada a necessidade de abrigamento dessa mulher, vítima de violência doméstica, familiar ou sexual. Assim como no ano passado, a secretaria terá equipes de plantão 24 horas, inclusive durante o feriado, para atender as mulheres que forem vítimas de violência.

No final de semana e feriado, serão distribuídos leques nos pontos onde haverá movimentação com atividades de Carnaval. Em parceria com alguns clubes da cidade, a SMPM também vai entregar os acessórios nestes locais. Nos leques, estão os contatos para comunicação com os canais de denúncia.

Denúncia

Qualquer pessoa que presenciar assédio sexual e violência contra a mulher, ou for vítima, pode e deve denunciar pelo número 180 - Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência. A denúncia também pode ser feita diretamente para a PM (Polícia Militar) no 190, ou para a Patrulha Maria da Penha da Guarda Municipal de Londrina, pelo 153.

Conteúdo relacionado: