14 escolas do NRE de Londrina aprovam modelo cívico-militar

por Vitor Struck - Grupo Folha
   
Gustavo Carneiro/Grupo Folha

Depois de anunciar às pressas o prazo para a consulta pública sobre a migração para o modelo de gestão cívico-militar em 10% das escolas da rede estadual e decidir prorrogar esse prazo até a noite desta sexta-feira (30), a Seed (Secretaria de Estado da Educação e do Esporte) informou que o quórum para a deliberação sobre o tema havia sido alcançado em 163 das 217 instituições consultadas. Enquanto um balanço consolidado ainda deverá ser divulgado, a APP-Sindicato aguarda o julgamento de uma ação impetrada no TJPR (Tribunal de Justiça do Paraná) que pede a anulação do "plebiscito".

A FOLHA também apurou que as 14 escolas que fazem parte dos municípios que compõem o NRE (Núcleo Regional de Educação) de Londrina que foram consultadas registraram vitória do programa, publicado no Diário Oficial do Estado no dia 7 de outubro. Para ter a consulta validada, cada unidade deveria registrar, no mínimo, um voto a mais do que 50% de sua comunidade escolar, o que ocorreu após a participação de 71,2 mil pessoas ao todo, informou o diretor-geral da Seed, Gláucio Dias.

Saiba mais sobre esse assunto na Folha de Londrina.

Conteúdo relacionado: