Candidatos do Enem são retirados de salas por excesso de participantes

por Viviani Costa - Grupo Folha
   
Isaac Fontana/Framephoto/Folhapress

Inscritos no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foram surpreendidos em Londrina pelos organizadores e fiscais neste primeiro dia de provas. Vários estudantes relatam que foram retirados das salas de aula sob a justificativa de que havia mais participantes do que o permitido em razão da pandemia do novo coronavírus.

O protocolo de segurança divulgado pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) estabelece que as salas de aula devem ter ocupação de até 50% da capacidade total para que os inscritos mantenham o distanciamento social. No entanto, conforme os relatos, isso não foi respeitado em alguns colégios de Londrina.

Reginaldo Souza, pai de uma estudante, contou que teve que voltar às pressas ao local de prova após uma ligação da filha que acabava de ser retirada da sala em que faria o exame.

Continue lendo na FOLHA:

De acordo com a jovem, ao chegar por volta das 12h25, um fiscal esteve na sala de aula, constatou a lotação acima da porcentagem permitida e perguntou quem havia chegado por último

Conteúdo relacionado: