Estudantes representam Londrina em prêmio nacional

por Caroline Knup - Estagiária*
   

Os estudantes Sophia Neves e Lucas de Oliveira Puppin, ambos de 11 anos, são os representantes de Londrina no prêmio nacional Hackathon: Combate à Covid-19. Com o projeto INTI (Inovação e Tecnologia para Idosos), os alunos tiveram a ideia de um aplicativo para cuidados com os idosos em meio à pandemia do novo coronavírus, causador da Covid-19.

Reprodução/Facebook

Conforme aponta Sophia, o INTI consiste em um aplicativo que tem o objetivo de facilitar as atividades das pessoas da terceira idade. "O INTI é um aplicativo que irá facilitar e melhorar a qualidade de vida dos idosos por meio da tecnologia. O aplicativo alertará periodicamente o idoso de quando tomar água e os horários dos remédios. Terá, também, jogos para fortalecer a memória e desenvolver o raciocínio", explica a estudante.

Além dos pontos mencionados, o INTI conta ainda com compras on-line em supermercados e farmácias. No aplicativo, conforme explica Lucas, é necessário que o idoso faça um cadastro inicial com algumas informações.

No vídeo abaixo, é possível conferir mais sobre a iniciativa dos estudantes. Para ajudar Sophia e Lucas a vencerem o prêmio, basta acessar o vídeo pelo Facebook e curtir a publicação.

*Sob supervisão de Larissa Ayumi Sato.

Conteúdo relacionado: