Tire suas dúvidas de português através do Disque-Gramática

por Redação Bonde Agência UEL de Notícias
   

Na hora de escrever a redação solicitada pelo professor a distância - será que esse a tem crase? - o estudante tinha que (ou tinha de?) falar sobre a pandemia de coronavírus. Ele ficou em dúvida se escrevia o coronavírus ou Coronavírus e mais ainda se era a covid ou o covid. Para completar, ele leu em locais diferentes covid-19, Covid-19 e COVID-19. Qual a forma correta segundo as regras gramaticais? Para solucionar essas questões, o estudante da rede pública ou particular de ensino pode contar com o Disque-Gramática da UEL (Universidade Estadual de Londrina).

Pixabay

Criado em 1995, o projeto mantém atendimento aos usuários que tenham dúvidas sobre os usos gramaticais da Língua Portuguesa. O atendimento é feito via redes sociais e pelo e-mail. Durante o período de isolamento social, as consultas podem ser feitas pela conta do projeto Disque Gramática no Instagram ou pelo e-mail: disque-gramatica@uel.br. O serviço também é oferecido pelo telefone, mas está temporariamente suspenso.

O Disque-Gramática é coordenado pela professora Cristina Simon, com a participação da professora Maria Isabel Borges, ambas do Departamento de Letras Vernáculas e Clássicas da universidade. O projeto tem a participação de 10 alunos de graduação do curso de Letras da UEL.

Conforme a página oficial do projeto, a iniciativa "contribui para a formação docente, na medida em que os graduandos precisam estar preparados para as inúmeras e variadas questões que nos chegam de diferentes lugares, níveis e finalidades comunicacionais". O criador do projeto foi o professor Joaquim Carvalho da Silva. Ele permaneceu à frente do projeto por mais de duas décadas.

Conteúdo relacionado: