UEPG oferta 486 vagas para especialização em Gestão Pública

por AEN-PR
   

A UEPG (Universidade Estadual de Ponta Grossa) está com inscrições abertas para o processo de seleção para o Curso de Especialização em Gestão Pública, vinculado ao Programa de Residência Técnica do Estado. As inscrições devem ser feitas até quarta-feira (8), exclusivamente pela internet, conforme o edital disponível no site da instituição. A taxa de inscrição é de R$ 150.

UEPG

Segundo o assessor da Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Décio Sperandio, que atua como coordenador do Programa de Residência Técnica, o objetivo é ampliar a prática acadêmica e pedagógica de profissionais paranaenses, promovendo melhorias na administração de órgãos e serviços públicos.

"O programa contribui para o aperfeiçoamento profissional, preparando técnicos para atuar em processos de planejamento, organização e controle de atividades que dão sustentação administrativa para atividades de órgãos públicos”, destaca.

Podem participar do processo seletivo profissionais graduados entre março de 2017 e março de 2020. O edital contempla 18 áreas de atuação profissional, oriundas de diferentes campos do conhecimento. Ao todo, estão sendo ofertadas 486 vagas, na modalidade de educação a distância (EaD), distribuídas em sete polos (Ponta Grossa, Curitiba, Cascavel, Guarapuava, Jacarezinho, Londrina, e Maringá), abrangendo 25 municípios paranaenses.

O curso de pós-graduação oferta uma bolsa-auxílio de R$ 1,9 mil e tem duração de dois anos, com início em março de 2020 e término em março de 2022. Nesse período, os estudantes devem cumprir carga horária prática de 30 horas semanais.

A prova será em 9 de fevereiro e o resultado divulgado no dia 14 do mesmo mês.

ÁREAS DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL

Administração; Ciências Econômicas; Ciências Contábeis; Direito; Serviço Social; Psicologia; Informática; Jornalismo; Arquitetura; Engenharia Civil; Engenharia Elétrica; Engenharia Ambiental; Secretariado Executivo; Pedagogia; Artes; Ciências Sociais; Letras; Turismo.

POLOS E CIDADES

Escola de Gestão: Curitiba e Paranaguá; UEPG: Ponta Grossa; Unioeste: Cascavel, Francisco Beltrão, Pato Branco, Toledo, Foz do Iguaçu e Marechal Cândido Rondon; UEM: Maringá, Campo Mourão, Cruzeiro do Oeste, Cianorte, Paranavaí, Umuarama, Ivaiporã e Apucarana; UEL: Londrina; Uenp: Cornélio Procópio, Jacarezinho e Bandeirantes; Unicentro: Guarapuava, Pitanga, Irati e União da Vitória.

QUALIFICAÇÃO

O Programa de Residência Técnica do Paraná que tem como objetivo qualificar servidores públicos estaduais e habilitar profissionais de diferentes áreas. Coordenado pela Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, é desenvolvido em parceria com as universidades estaduais e secretarias de Estado.

A Residência Técnica engloba um curso de pós-graduação Lato Sensu (Especialização), ofertado por instituições públicas e privadas de Ensino Superior, localizadas no território paranaense. Envolve também atividades práticas na área de formação a serem desenvolvidas nas secretarias de Estado e autarquias, por meio de convênio ou termo de cooperação.

Os cursos são gratuitos e os residentes que não integram o quadro de servidores públicos recebem bolsa-auxílio no valor de R$ 1,9 mil, no período de duração da pós-graduação, que é de dois anos.