Nego Di diz ser 'machista, homofóbico, racista e gordofóbico' e que quer mudar

por Folhapress
   
Reprodução/Instagram

Em uma conversa nesta terça-feira (26) com os brothers, o humorista Nego Di, membro do grupo Camarote, afirmou que costuma ser preconceituoso. Durante o diálogo ele disse também que agora é seu momento de mudar e deixar de ser racista e homofóbico, dentre outros preconceitos.

"Sou machista, sou homofóbico, sou racista, sou gordofóbico. A diferença entre mim e uma pessoa que talvez quer fazer mal a essas pessoas é que eu entendi que isso precisava parar dentro de mim. Cada um tem seu momento", disse o humorista.

Ele ainda afirmou que sua mãe também é machista e que as pessoas precisam evoluir: "Só que cada pessoa tem seu processo de evolução. E o meu processo é agora, eu quero mudar agora", continuou. Ele e o ator Lucas Penteado, venceram a primeira prova de resistência ganhando imunidade.

Os outros seis participantes do reality estão juntos em uma casa separada. Lumena, Juliette e Arthur, do grupo Pipoca, e Fiuk, Projota e Viih, do grupo Camarote, foram os mais votados pelo público para começarem a semana imunes e permanecerão no outro local por tempo ainda não informado.

Os brothers imunes precisam ainda decidir em consenso um nome para indicar ao paredão dessa semana. Apesar da responsabilidade, quando Tiago os informou do bônus que receberam, eles comemoraram a imunidade concedida pelo público.

Conteúdo relacionado: