Brasileira Dayane Mello é a primeira finalista do Big Brother da Itália

por Folhapress
   
Reprodução/Instagram

A modelo brasileira Dayane Mello, 31, se tornou a primeira finalista da versão italiana do Big Brother. No país, a atração recebe o nome de Grande Fratello VIP.

A catarinense foi a vencedora de uma votação que definia quem iria direto para a final da competição. A decisão acontecerá no próximo dia 26 de fevereiro.

Ela sobreviveu a muitos paredões no Gran Fratello VIP. A catarinense já foi salva pelo público em outras oito ocasiões.

A modelo tem feito sucesso por lá e se tornou uma das favoritas ao prêmio da temporada. Ela recebeu o apoio da torcida brasileira, que organizou mutirões para votar pela permanência dela -o que tem irritado parte do público italiano.

Ela estava indicada com outros oito participantes, em um paredão com dinâmica diferente da habitual. Confinada há cerca de quatro meses, a moça foi a segunda a saber que estava com a permanência assegurada no programa.

Dayane ficou conhecida na Itália ao participar de alguns reality shows, como o Ilha dos Famosos. Ela já esteve inclusive na versão local do Dança dos Famosos.

No Brasil, ela ficou mais conhecida por ter chamado a atenção no tapete vermelho do Festival de Roma com um vestido revelador e por ter "ficado" com o empresário Rico Mansur, 46, enquanto ainda era oficialmente namorada do tenista chileno Nicolás Massú, 41.

A modelo tem sido acusada pelos demais concorrentes de ser manipuladora, além de ter feito comentários considerados gordofóbicos. Por outro lado, já sofreu com comentários xenofóbicos e machistas no programa e nas redes sociais.

Conteúdo relacionado: