Athletico trava na retranca do Jorge Wilstermann, mas avança na Liberta

por Folhapress
   
Reprodução / Instagram

O Athletico não conseguiu superar a retranca do Jorge Wilstermann (BOL) na noite desta terça (29), na Arena da Baixada, mas o empate por 0 a 0 foi suficiente para garantir vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores.

Com 10 pontos, o Athletico lidera o grupo C e assegura este primeiro lugar se ao menos empatar contra o Peñarol (URU) na última rodada, em Montevidéu. O Jorge Wilstermann tem sete pontos e é seguido por Peñarol e Colo-Colo, que têm seis cada.

Confira os melhores momentos da partida:

O Athletico controlou o primeiro tempo inteiro, teve incríveis 80% de posse de bola e rondou o gol adversário o tempo inteiro, mas sem de fato abrir o placar. Encurralado, o Jorge Wilstermann nem conseguiu contra-atacar na etapa inicial e só se livrou do gol antes do intervalo porque a pressão rubro-negra insistiu um pouco demais nos cruzamentos.

O segundo tempo seguiu parecido: o Athletico criou boas chances e perdeu gols logo nos primeiros minutos, enquanto o time boliviano quase não visitava o campo de ataque. A pressão continuou até os acréscimos, com um total de 20 finalizações da equipe brasileira, mas nenhum gol.

ATHLETICO-PR

Santos; Jonathan, Pedro Henrique, Thiago Heleno, Abner Vinícius, Christian; Wellington, Erick , Léo Cittadini; Pedrinho, Fabinho. Técnico: Eduardo Barros.

JORGE WILSTERMANN

Arnaldo Giménez ; Ismael Benegas, Edward Zenteno, Ronny Montero, Juan Pablo Aponte ; Leonel Justiniano , Didí Torrico, Cristian Chávez, Serginho; Patito Rodríguez, Gilbert Álvarez . Técnico: Cristian Díaz

Local: Arena da Baixada, Curitiba

Árbitro: Patricio Loustau

Assistentes: Diego Bonfa e Ezequiel Brailovsky

Cartões amarelos: Geuvânio e Wellington (Athletico); Leonel Justiniano , Patito Rodríguez, Arnaldo Giménez e Cristian Chávez (Jorge Wilstermann)

Conteúdo relacionado: