Com Palmeiras e Flu, Globo perde na audiência pela 1ª vez com reprises

por Folhapress
   

Com as reprises do título do Palmeiras na Libertadores de 1999 e do Fluminense no Campeonato Brasileiro de 2012, a Globo perdeu a liderança de audiência pela primeira vez desde que iniciou as reprises de futebol nas tardes de domingo a liderança.

A derrota neste domingo (31) aconteceu tanto em São Paulo como no Rio de Janeiro e foi para a mesma adversária: a apresentadora Eliana, do SBT, que já havia ameaçado o bote na semana passada. Em São Paulo, a final alviverde não venceu em nenhum momento a atração de Eliana no canal de Silvio Santos.

Reprodução

Às 16h06, por exemplo, Eliana chegou a marcar 11 pontos de audiência na Grande São Paulo, contra apenas 8 pontos da reprise do Palmeiras. Na média, Eliana marcou 10 pontos contra 9 da Globo.

No Rio de Janeiro, as coisas foram um pouco mais equilibradas, mas ainda assim não muito boas para a Globo. Eliana e o título do Fluminense dividiram a liderança durante o tempo todo, alternando a ponta no ranking das emissoras com 9 pontos de audiência cada uma. Na média, o reestudado foi de 9 pontos contra 9,5 da Globo.

Apesar do resultado fraco, a emissora carioca já confirmou mais uma rodada de jogos antigos para o próximo final de semana. Em São Paulo, será a vez de o Santos ser contemplado, relembrando seu confronto com o Peñarol (URU) pela final da Libertadores 2011. Chance de seus torcedores matarem saudade de Neymar, com sua camisa, na conquista do terceiro título continental pelo clube.

O curioso é que o Santos também jogará para o público do Rio, mas dessa vez como derrotado, na reprise da final do Campeonato Brasileiro de 1995, vencida pelo Botafogo. Será uma overdose do título de 25 anos atrás, aliás, para os botafoguenses, uma vez que a Band vai retransmitir a mesma partida em 1995, duas horas antes de sua concorrente.