Inter escapa de pressão, mas cria pouco e empata pela Libertadores

por Folhapress
   

Internacional e Tolima (COL) não saíram do zero no jogo de ida da terceira fase preliminar da Copa Libertadores nesta quarta-feira (19), em Ibagué, na Colômbia. Com baixo nível técnico, a partida foi marcada por muitos erros de passes e falhas ofensivas, além de poucas chances de gols.

Ricardo Duarte/Internacional

Apesar de não fazer boa partida, o time colorado também não sofreu com pressão do mandante, que se postou na defesa e apostou nos contra-ataques na maior parte do duelo. No final do segundo tempo, foi a equipe de Eduardo Coudet quem chegou mais perto do gol, com duas chances.

A partida de volta será na próxima quarta (26), no Beira-Rio. Quem vencer, vai avançar ao grupo E da Libertadores, que já tem Grêmio, América de Cali (COL) e Universidad Católica (CHI). Em caso de novo 0 a 0, a vaga será decidida nos pênaltis. Empate com gols dará a classificação aos colombianos.

Faça o cadastro no Dazn e acompanhe o Paranaense por um mês gratuitamente.

TOLIMA

Montero; Castrillón, Moya, Quiñones e Banguero; Robles, Gordillo, Albornoz (Cataño), Campaz e Estupiñan (Miranda); F. Rodríguez (Rojas). T.: Hernán Torres

INTERNACIONAL

Marcelo Lomba; Rodinei, Bruno Fuchs, Cuesta e Uendel; Damián Musto, Rodrigo Lindoso, Edenilson, Gabriel Boschilia e Marcos Guilherme; Paolo Guerrero. T.: Eduardo Coudet

Estádio: Manuel Murillo Toro, em Ibagué (COL)

Árbitro: Roberto Tobar (CHI)

Auxiliares: Alejandro Molina (CHI) e Claudio Urrutia (CHI)

Cartões amarelos: Gordillo (TOL); Cuesta e Bruno Fuchs (INT)

Conteúdo relacionado: