Luxa admite futebol 'feio' do Palmeiras e quer meio-campo mais leve

por Folhapress
   
Cesar Greco / Palmeiras

Vanderlei Luxemburgo admite que o Palmeiras vinha jogando de forma mais "feia", especialmente por conta da decisão do Campeonato Paulista. Cobrado pela melhora de desempenho do time, ele agora planeja recuperar os meias de seu elenco para tornar o time alviverde mais agradável de se ver depois da primeira vitória no Campeonato Brasileiro.

"No Paulista, eu tive de tornar a equipe um pouco mais feia para não perder o campeonato, ainda mais para o Corinthians. Foram dois jogos sem tempo para treinar. Saímos na frente (contra Fluminense e Goiás) e eles empataram. Agora, é hora de eu mudar", avisou o comandante.

Contra o Athletico-PR na quarta-feira (19), Luxemburgo voltou a usar um meia na equipe -Lucas Lima foi o escolhido. Durante a partida, Zé Rafael, Gustavo Scarpa e Raphael Veiga também entraram. Foi do camisa 23, inclusive, o gol da vitória, já nos acréscimos.

Antes do resultado na Arena da Baixada, o Palmeiras vinha de uma sequência de oito jogos sem vencer equipes da Série A, contando a campanha do título paulista e o início do Brasileiro -eram seis empates e duas derrotas. Na avaliação do clube, mais do que o trabalho de Luxemburgo, a postura dos jogadores era o que necessitava mudar.

De acordo com o técnico, os meias que não vinham em boa fase mostraram interesse no jogo em Curitiba e devem ser usados com mais frequência por essa ideia de fazer o Palmeiras "mais leve".

"Vou dar oportunidade para o Lucas (Lima), para o Raphael (Veiga), para o time ficar mais leve. Daqui a pouco tem o Veron, cabe a eles mostrar a capacidade, que podem continuar. As mudanças são importantes, eles precisam entrar comprometidos como no primeiro tempo. Quem entrou no segundo tempo também. Mostramos uma virada que esquecemos o Paulista e vamos visar o Brasileiro. Temos o clássico (contra o Santos) no domingo (23) e vamos nos preparar bem", completou.

"Eu não escalo jogador, todos vão ter oportunidade. E eles só podem dar a resposta jogando. A resposta, eles têm que dar. Se merecer, vai ser escalado. O Lucas Lima lutou, segurou a bola, mostrou que está dentro. O Scarpa entrou com vontade no jogo, deu carrinho, jogou tecnicamente bem e vai ter oportunidade. Ele sentiu o (músculo) posterior (da coxa) pela falta de ritmo, mas é o que eu quero. Aos que estão aqui, mostrem que não estão aqui por estar. Vou usar todos. Eles precisam mostrar a quem critica que eles merecem a escalação no treino e no jogo", encerrou.

Com cinco pontos, o Palmeiras receberá o Santos pela quinta rodada do Brasileiro. O jogo acontecerá no Morumbi, pois o Allianz Parque já tem eventos marcados no fim de semana. Veron, recuperado de lesão na coxa direita, pode ser uma novidade ao menos entre os relacionados.

Conteúdo relacionado: