Santos perde pênalti, joga mal e ajuda Fortaleza a respirar no Brasileirão

por Gabriela Brino - Folhapress
   
Ivan Storti/Santos FC

O Fortaleza venceu o Santos por 2 a 0 nesta quinta-feira (21), no Catelão, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Juninho e Wellington Paulistas marcaram pelo clube cearense. Com o resultado, os donos da casa empurram o Vasco para a zona de rebaixamento e alcançam a 14ª colocação, com 35 pontos.

O Santos viu Jean Mota perder um pênalti e o rival abrir o placar na mesma oportunidade. Porém, vale lembrar que Cuca foi a campo com um time praticamente reserva visando a final da Copa Libertadores da América, em jogo contra o Palmeiras, semana que vem, no Maracanã.

Os donos da casa começaram em um ritmo mais acelerado, propondo o jogo. Mas, mesmo encontrando alguns espaços, o Fortaleza era parado pela defesa do alvinegro.

Até houve uma chance para os santistas abrirem o placar com uma jogada de Guilherme Nunes, que entrou para substituir Alex -o jovem zagueiro teve uma entorse no joelho direito no treino de quarta, em Fortaleza, e passará por exames-, mas a bola subiu.

Apenas meia hora de jogo depois os times começaram a reagir. Gabriel Dias, do Fortaleza, tentou de cabeça, mas parou na defesa. Seis minutos mais tarde Felipe Jonatan criou duas boas chances: uma com Marcos Leonardo, pelo alto, outra com Madson, que cabeceou com perigo.

Nos minutos finais da primeira etapa, Lucas Braga tentou cruzar, mas se viu cercado por três. A bola acabou pegando na mão de Jackson. O árbitro Ricardo Marques Ribeiro acionou o VAR, que confirmou o pênalti. Jean Mota foi o responsável pela cobrança, mas bateu muito mal e Felipe Alves encaixou. Na sequência, David disparou e passou com facilidade por Laércio. Bateu cruzado, com perigo, mas João Paulo salva o Santos.

O árbitro apitou para dar início a segunda etapa, e dois minutos foram suficientes para o Santos "ter o troco". Madson fez pênalti infantil em cima de Osvaldo e viu o Fortaleza abrir o placar com gol de Juninho. O clube alvinegro sentiu e caiu de rendimento. Passou a errar mais e dar mais espaços.

Veja os gols:

Show Player

Estádio: Castelão, em Fortaleza

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Auxiliares: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (PR)

VAR: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Gols: Juninho e Wellington Paulista

Cartões amarelos: Felipe, Carlinhos e Romarinho (FOR)

FORTALEZA

Felipe Alves (Tinga); Gabriel Dias, Paulão, Jackson e Carlinhos; Juninho (Derley), Felipe, Osvaldo (Yuri César) e David; Romarinho (Ronald) e M Vázquez (Wellington Paulista). T.: Enderson Moreira

SANTOS

João Paulo; Madson, Laércio, Luiz Felipe, Guilherme Nunes (Tailson) e Felipe Jonatan; Sandry e Jean Mota (Lucas Lourenço); Lucas Braga (Ângelo), Marcos Leonardo (Bruno Marques) e Arthur Gomes (Wagner Leonardo). T.: Cuca

Conteúdo relacionado: