UBSs farão atualização de cadastro de usuários do SUS neste sábado

por N.com
   

Em atendimento à convocação feita pelo Ministério da Saúde, a Prefeitura de Londrina, por meio da SMS (Secretaria Municipal de Saúde), está realizando a atualização dos cadastros dos usuários do SUS. A meta é que o trabalho atinja um mínimo de 70% dentre a população estimada de 296 mil usuários residentes em Londrina. E neste sábado (15), das 8 às 14 horas, os ACSs (Agentes Comunitários de Saúde) estarão atendendo nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) para receber a população e atualizar as informações.

Divulgação

O atendimento será oferecido em todas as UBSs da área urbana. Basta apresentar o número do CPF, informar o endereço atualizado ou comprovante de residência recente, e o Cartão SUS, caso tenha. Em algumas localidades, como Chefe Newton, Cafezal e Vila Brasil, os agentes farão o levantamento em campo, indo até as residências dos usuários, especialmente nos imóveis que ficam fechados durante a semana. Eles estarão uniformizados e portando crachá para identificação.

De acordo com a coordenadora do Programa Saúde da Família da SMS, Vânia Cristina da Silva Alcântara, as UBSs utilizam dois sistemas para registrar as informações dos pacientes. Um é o SAUDEWEB, da esfera municipal, e o outro é o E-SUS, do governo federal. "Essa iniciativa tem o objetivo de atualizar o banco de dados do E-SUS, inserindo novos cadastros ou atualizando os existentes. Por meio do recadastramento, vamos obter indicadores mais precisos, como o número de pacientes atendidos na rede municipal, condições de saúde, perfil socioeconômico, entre outras informações”, detalhou.

A coordenadora informou também que, com um número atualizado de usuários da rede municipal de saúde, será reajustado o montante de recursos destinados pelo Ministério da Saúde ao Município. "O repasse de investimentos para a Atenção Básica tem como base o E-SUS, porque os valores são definidos mediante o número de usuários. Então esse recadastramento vai evitar um déficit de recursos para o município, e poderá até impactar em ampliação dos serviços de saúde que oferecemos”, citou.

Como as localidades rurais têm as informações mais atualizadas, as UBSs dos distritos não abrirão no sábado (15).