Nutricionista dá dicas de alimentos que ajudam a desintoxicar o organismo

por Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
   

Com o verão cada vez mais próximo, muitas pessoas começam a preparar o corpo para a chegada da estação. No entanto, com a exposição a diversas fontes de toxinas, tanto alimentares quanto ambientais, o combo alimentação balanceada e exercícios físicos pode não ser suficiente para alcançar os objetivos. Neste cenário, para desintoxicar o organismo, o detox tem sido uma alternativa.

De acordo com a nutricionista Ione Leandro, o detox diminui os impactos negativos de toxinas no funcionamento do corpo. "O processo ocorre principalmente no fígado e, através de alguns nutrientes, como vitaminas do complexo B, selênio, cobre, zinco, enxofre, flavonóides, carotenos e aminoácidos, a eliminação dessas substâncias pelo nosso organismo é potencializada", explica.

Divulgação/Pixabay

Abaixo, a especialista separou sete alimentos que ajudam no processo de desintoxicação.

1) Chás verde e chá de cavalinha: Ambos tem ação diurética, o que auxilia na eliminação de eliminam toxinas e alivia a retenção de líquidos.

2) Crucíferos: Brócolis, couve-de-bruxelas, couve-flor, nabo e rabanete são ricos em enxofre, mineral que auxilia na desintoxicação.

3) Alho: Fonte de enxofre, esse é outro alimento muito utilizado para auxiliar na "limpeza" do organismo. Deve ser consumido preferencialmente cru.

4) Gengibre: O alimento aumenta a produção de enzimas no fígado, que atuam na eliminação de toxinas. Por possuir ação anti-inflamatória e termogênica, acelera o metabolismo.

5) Semente de girassol: Auxilia na desintoxicação e evita que o colesterol se acumule e cause danos ao organismo. Pode ser consumida em pequenos lanches entre as principais refeições.

6) Lentilhas: Ajudam o sistema digestivo a limpar e desintoxicar o organismo, além de auxiliar na redução do colesterol e no equilíbrio das taxas de açúcar no sangue. Pode ser consumida em substituição ao feijão ou ainda no preparo de saladas.

7) Oleaginosas: Um mix de amêndoas, nozes, avelã e castanhas possui minerais que participam da ativação de enzimas detoxificantes presentes no fígado.

"Vale lembrar que, em paralelo ao detox, é necessário seguir uma alimentação leve e fracionada, evitando frituras, refrigerantes, carnes gordurosas, moderando no consumo de bebidas alcoólicas, doces e observar os alimentos com alta concentração de sódio," finaliza Ione.

Conteúdo relacionado: