Academia de Oftalmologia emite alerta para possível novo sintoma da Covid-19

por Caroline Knup - Estagiária*
   

A Academia Americana de Oftalmologia alertou, por meio de um comunicado, que a conjuntivite pode ser mais um dos sintomas da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Na nota, a academia afirma que o sinal pode não ter sido notado por profissionais da saúde em alguns casos de contágio.

Reprodução/Pixabay

Diante disso, a instituição recomenda que médicos, em especial oftalmologistas, usem EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) que protejam os olhos, o nariz e a boca durante atendimento aos pacientes. É preciso que os cuidados sejam tomados mesmo com pacientes que não apresentam suspeita de contágio pelo novo coronavírus.

No comunicado, a entidade afirma que "em regiões com alta prevalência da doença, praticamente qualquer paciente atendido por um oftalmologista pode estar infectado com o SARS-CoV-2 [agente causador da Covid-19]".

O documento informa que a conjuntivite causada pelo vírus aparenta ser como as outras e, por isso, pode ser que o sintoma passe despercebido pelos profissionais.

A afirmação está pautada em estudo científico publicado no 'Journal of Virology', em que pesquisadores analisaram os sintomas de 30 pacientes que testaram positivo para o novo coronavírus. Desse total, apenas um apresentou conjuntivite. Entretanto, o restante tinha secreções nos olhos em que os vírus estavam presentes.

Diante dos resultados do estudo, a Academia Americana de Oftalmologia reconhece que a conjuntivite é um sintoma considerado raro. No entanto, é preciso estar alerta ao sinal.

(Com informações da revista Exame.)

*Sob supervisão de Larissa Ayumi Sato.

Conteúdo relacionado: