Descubra como ter a melhor experiência de som na sua casa!

por Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
   

Segundo estudos do IDC, a pandemia modificou a relação com os meios e produtos tecnológicos pela sociedade, aumentando a demanda por equipamentos que facilitem a realização das atividades profissionais e pessoais dentro de casa, já que com o distanciamento social, as pessoas passaram a ter mais tempo para os momentos de entretenimento, diversão e lazer. Paralelamente, uma pesquisa da Accenture, realizada com mais de três mil consumidores em 15 países, revelou que 60% dos entrevistados estão dedicando mais tempo ao autocuidado e bem-estar mental, uma tendência que promete se tornar realidade definitivamente e que as marcas devem acompanhar este movimento.

Divulgação

Com este cenário, as caixas de som bluetooth se destacam como ótimas opções para melhorar a experiência de som dentro de casa, principalmente para as atividades compartilhadas como assistir filmes e séries com a família, jogos on-line ou na prática de exercícios físicos. Compactas, resistentes e fáceis de transportar, as caixinhas também são excelentes para animar os momentos em família, além de auxiliar naquelas horas de relaxamento em grupo.

Outro item que se tornou ainda mais popular são os fones de ouvido. Eles se tornaram praticamente indispensáveis para quem busca uma experiência sonora de qualidade, durante a quarentena. O acessório é ideal para jogar videogame, ouvir sua playlist favorita ou assistir filmes e séries sem atrapalhar as demais pessoas da casa. Os modelos ergonômicos e auriculares são os mais indicados, pois são confortáveis, acessíveis, além de mais duráveis.

Por fim, para se ter uma boa experiência sonora de alto nível é importante conhecer as configurações disponíveis nos equipamentos como balanço de graves, ajustar volume, vibrações entre outros. Desta forma, o usuário poderá aproveitar melhor o áudio no caso de streaming de músicas, jogos ou para assistir vídeos no computador. É essencial, também. adquirir acessórios compatíveis com os recursos dos equipamentos da casa, como TV, notebooks e computadores.

Acessórios também precisam ser limpos e higienizados

A limpeza desses produtos deve ser feita regularmente como medida preventiva para evitar contaminação e proliferação do novo coronavírus. Inclusive, não é recomendado que fones de ouvido sejam compartilhados. De acordo com o responsável pela unidade de negócios da Anker no Brasil, Marcus de Paula Machado, os dispositivos de áudio devem ser limpos com pano ou lenço de papel umedecido em água com sabão ou detergente neutro. "É preciso limpar o cabo em toda a extensão assim como a estrutura dos carregadores. Já as entradas e saídas podem ser higienizadas com escova de dentes seca de cerdas macias”. O executivo ainda comenta que, especificamente, fones possuem partes removíveis que podem ser lavadas com água e sabão ou detergente neutro. Mas reforça que é fundamental que sejam secos totalmente antes de recolocados.

Também é importante atentar-se ao que não deve ser feito. Evite aplicar álcool em gel ou etílico diretamente nos equipamentos, porque a substância evapora rapidamente e pode danificar o acessório e seus componentes. Outra ação a se evitar é limpar os fones durante o carregamento, pois energia elétrica e umidade não combinam. A limpeza dos dispositivos só pode ser feita quando estiverem desligados e desconectados da tomada, para evitar curtos-circuitos, choques elétricos e até incêndios. Por fim, é importante lavar as mãos com água e sabão ou usar álcool em gel 70° antes de manusear os dispositivos. "Com esses cuidados, os usuários garantem o bom funcionamento dos equipamentos por mais tempos e ainda aumentam o nível de proteção contra o novo coronavírus”, conclui Marcus.

Conteúdo relacionado: